Como desativar o teclado do notebook

Como desativar o teclado do notebook

Tempo de leitura: 6 minutos

Como desativar o teclado do notebook cujo sistema operacional  é Windows é uma pergunta frequente.

Principalmente quando o equipamento está apresentado falhas e se identifica a necessidade de inserir um periférico externo.

Para que este processo seja bem sucedido você deve ficar atento a um fato importante.

É preciso atualizar o driver do teclado e instalar um software incompatível.

A desativação do teclado é mais complexa do que de outras ferramentas.

Tais como o webcam, por exemplo.

Por isso preparamos este artigo, com um passo a passo de como desativar o teclado do notebook.

Fique conosco, até o final.

Passo a passo para desativar o teclado do notebook

Este exemplo o qual usaremos para explicar como desativar o teclado do notebook foi desenvolvido no Windows 10.

No entanto, pode ser aplicado nos servidores mais antigos. Confira:

1- Abra o Gerenciador de Dispositivos

Neste primeiro passo, você clica com o botão direito do mouse sobre a tecla ‘Iniciar’.

Na sequência, clique em “Gerenciador de Dispositivos” e inicie o processo de como desativar o teclado do notebook

2- Expanda a categoria Teclados

Neste momento, você precisa clicar com o botão direito do mouse sobre o modelo do teclado integrado ao notebook.

Em seguida, selecione “Atualizar Driver”

3- Procure o software

Ao abrir a janela de atualização de driver, aperte a tecla “Procurar software de driver no computador”.

4- Escolha o drive

Feito isso, clique na permissão de escolha de lista de drivers disponíveis no notebook.

5- Desmarque a opção para mostrar o drive compatível

Selecione um modelo de teclado na lista que aparece abaixo.

Neste caso, é importante escolher um driver incompatível para que o teclado não funcione.

6- Confirme

Irá aparecer na sequência, uma mensagem pedindo confirmação, clique em ‘sim’.

7- Clique em “Fechar”

Feito isso, em seguida reinicie o computador.

Quando ele for religado, notará que o teclado parou de funcionar e assim finalizará o processo de como desativar o teclado do notebook.

Notebooks para jogos: porque a escolher um equipamento de alta performance?

O assunto principal deste artigo é como desativar o teclado do notebook.

Mas a utilização de notebook para gamer está em alta, tão em alta, que o mercado está se reinventando.

Se puxarmos pela memória, vamos nos lembrar de que até pouco tempo, não existiam notebooks específicos para gamer.

Até pouco tempo, não existia uma máquina exclusiva para este fim.

No entanto, as marcas identificaram esta lacuna e se desenvolveram, no sentido de criar aparelhos que se adequassem a este universo.

A má notícia é que estes equipamentos não são baratos.

A boa notícia, é que o retorno em seu desempenho vale o alto custo.

Geralmente são característicos, com cores e luzes e são máquinas mais robustas.

Algo que precisa ser repensado é onde esse aparelho será utilizado.

Pois, se tratando de ambientes corporativos, é comum a exigência de mais seriedade.

Para fazer uma compra satisfatória, é preciso avaliar:

  • Escolha um processador mais atual, tanto o Intel Core i5, quanto o Core i7 são ótimas alternativas, principalmente para jogos.
  • Analise a Placa de vídeo, pois, se você busca um alto desempenho é preciso comprar um aparelho com placa de vídeo dedicada.
  • Opte por máquinas com memória RAM de 8GB ou 16GB, pelo menos.

Você conhece as funções de cada elemento do seu notebook?

No início deste conteúdo, nós te explicamos como desativar o teclado do notebook.

Agora nós vamos te mostrar a funcionalidade de alguns elementos do seu PC.

Confira!

1- Observe as características da tela

Este item define o que a tela precisa ter, de acordo com o que você precisa.

Por isso, é importante, analisar diversas informações antes de fazer a sua escolha.

Como por exemplo: como resolução, cor, brilho, sensibilidade, contraste dentre outras.

2- Analise o processador ideal

Este é um dos componentes mais relevantes na análise. Pois, quanto mais avançado, melhor o desempenho.

Intel Core i5 e Core i7, estas opções oferecem são as de melhor desempenho, principalmente para quem opera programas mais avançados.

3- Escolha aparelhos com boa memória RAM

Para notebooks básicos, 4GB de memória RAM atendem bem.

Além disso, é possível fazer um upgrade para 8 GB, caso seja necessário.

4- Invista em armazenamento

Se for possível, invista em um SSD, principalmente se você se utiliza de aplicativos e arquivos pesados.

Se não for possível, um HD é uma boa opção, até adquirir um SSD.

5- Esteja atento à durabilidade da bateria

Invista em modelos cuja sua duração seja de no mínimo 4 horas de uso contínuo.

Dessa forma, você terá um tempo suficiente para executar tarefas simples.

6- Leve em conta o peso e as medidas

Se você for usar o computador em diferentes ambientes, vai precisar analisar estas características.

Pois, precisará transportá-lo.

Para obter este tipo de informações, basta estar atento às descrições ou falar com a fabricante.

7- Fique de olho na placa de vídeo

Se você for lidar com jogos, principalmente, terá que adequar o seu aparelho, alguns já vem com esta adaptação predefinida.

Normalmente, os notebooks vêm equipados com chips Intel, com as GPUs Intel HD Graphics.

8- Observe as características de teclado e touchpad

Este item é de importante análise. Pois é bom para uns, mas nem tanto, para outros.

O hardware é muito importante para a performance do notebook.

Mas os periféricos jamais podem ser esquecidos, pois são indispensáveis em alguns casos.

Especialmente para digita textos textos, sendo assim, seu uso pode ter essa função principal desempenhada no notebook.

Nessa situação, é necessário um teclado completo e que atenda aos padrões ABNT.

Conclusão

Viu como desativar o teclado do notebook, pode ser uma tarefa simples?

Aproveitamos este momento também, para lhe deixar por dentro das funcionalidades de elementos básicos de seu aparelho.

Pois conhecer sua forma de funcionar também é de vital importância.

O teclado é muitas vezes, um elemento indispensável na utilização do notebook.

Ele compõe o aparelho,por isso precisa passar por um processo de desinstalação, em casos de necessidade.

Agora que você já sabe como conduzir este procedimento, já pode ficar mais tranquilo caso precise inserir um periférico.

Portanto, esperamos ter lhe ajudado com este conteúdo e que ele seja de grande serventia no seu dia a dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *