Quais as principais diferenças entre cartões de memória (SD e similares)?

Tempo de leitura: 6 minutos

ts8gusdhc4-1-logo

Provavelmente você já deve ter se deparado com a mensagem “Limite de memória atingido” no celular ou na sua câmera. Nesse momento, há duas opções que podem ser realizadas para acabar com o problema: apagar/transferir alguns arquivos do gadget para outro dispositivo ou adquirir um cartão de memória com maior capacidade de armazenamento.

Se você quiser acabar de uma vez com a falta de espaço, a melhor solução é a compra de um cartão de memória. É importante destacar que há diferentes modelos e marcas desse tipo de produto no mercado. Para lhe ajudar, apresentamos alguns modelos e esclarecemos as principais dúvidas sobre os cartões de memória. Confira!

Cartão SD

os-cartoes-sd-variam-conforme-sua-portabilidade-e-velocidade-de-gravacao

Os cartões de memória são uma espécie de “pen drive dos dispositivos móveis”, que permitem a leitura de vídeos, imagens, música e outros arquivos armazenados. Anteriormente, os cartões eram utilizados como disquetes de computador até receberem uma série de melhorias e se tornarem os modelos que conhecemos atualmente. No fim dos anos 90, o padrão era o MultiMedia Card (MMC), lançado em 1997 graças a uma parceria entre SanDisk e Siemens.

A tecnologia SD atualmente é utilizada em diferentes produtos, entre câmeras digitais, smartphones, tablets e até consoles portáteis. O padrão SD foi desenvolvido pela Secure Digital Association em 2000, formada pelas empresas Panasonic, SanDisk e Toshiba. A sigla SD significa Secure Digital, sendo que o cartão possui três características principais:

  • Compatibilidade com determinações de segurança daSecure Digital Music Initiative (SDMI), com o intuito de impedir a distribuição ilegal de músicas
  • Trava física capaz de ser ativada para que arquivos não sejam alterados ou excluídos acidentalmente
  • Melhor desempenho na transferência de dados

Em geral, os cartões de memória podem ser identificados pelas siglas SD, XD e microSD. Eles possuem diferentes capacidades de armazenamento (indicadas pela sigla “GB” – gigabyte) e taxas de velocidade (determinadas pela “classe” – “C”, por exemplo). Vale ressaltar que a taxa de transferência ou velocidade pode influenciar bastante no preço dos cartões SD. Isso porque uma taxa de transferência alta permite transferir arquivos de maneira mais rápida, além aumentar a eficiência na hora de tirar fotos, sem a necessidade de ter que esperar um longo tempo entre um clique e outro.

A Secure Digital Association definiu classes (class) para diferenciar as taxas de transferências:

  • Class 2: indica que o cartão trabalha com pelo menos 2 MB/s (megabytes por segundo);
  • Class 4: indica que o cartão trabalha com pelo menos 4 MB/s;
  • Class 6: indica que o cartão trabalha com pelo menos 6 MB/s;
  • Class 10: indica que o cartão trabalha com pelo menos 10 MB/s.

MiniSD e microSD

São versões de tamanho reduzido do cartão SD original voltadas para a utilização de pequenos aparelhos móveis, como smartphones, tablets, câmeras, entre outros dispositivos. Devido ao seu tamanho, a maioria dos cartões vêm acompanhados de adaptadores que permitem sua utilização com leitores de SD tradicionais. Os conectores dos cartões são sensíveis à eletricidade estática das suas mãos, umidade e sujeira. Vale lembrar que os cartões de memória são super sensíveis, por isso é importante ter bastante cuidado na hora de manuseá-los. O modelo possui capacidade de até 2 GB de armazenamento.

Cartão SDHC de alta capacidade

cartao+de+memoria+sd+16gb+transcend+classe+10+florianopolis+sc+brasil__7919A8_1

Lançado em 2004, o cartão SD de alta capacidade (Secure Digital High Capacity) conta com mais espaço de armazenamento do que o SD convencional (que possui capacidade de até 2 GB). A capacidade do SDHC varia de 4 GB até 32 GB. Esse tipo de cartão é bastante utilizado por câmeras digitais, pois possui boa velocidade de transferência de dados. Há ainda, os cartões microSDHC que apesar de serem pequenos são bem poderosos.

A marca Transcend trabalha com uma variedade cartões microSDHC; entre eles, vale destacar o microSDHC Class 4 e microSDHC Class 10 (ambos disponíveis no site da bringIT).

O cartão microSDHC Classe 4 é ideal para diferentes dispositivos e ainda acompanha o adaptador microSD.

ts32gusdhc10-p3-1-logo

Já o microSDHC Class 10 é ideal para câmeras digitais e gravações em resolução Full HD, com velocidade máxima de transferência de 45 MB/s 300x. Sua taxa de transferência fica acima do normal para categoria que é de apenas 10 MB/s. Ele também vem com um adaptador USB 2.0.

ts8gusdhc4-1-logo

SDXC

O modelo SDX (Secure Digital Extended Capacity) foi mais uma evolução do SD. A tecnologia trouxe um sistema de arquivos novo chamado exFAT – considerado mais veloz que a versão anterior FAT32, presente nos SDHCs. A maioria dos dispositivos fabricados a partir de 2008 são compatíveis com a tecnologia SDXC. Atualmente, é possível encontrar no mercado cartões SDXC com capacidade de 64 GB e 128 GB.

Outros padrões

Cartão XQD

carto-memoria-sd-64gb-sandisk-ultra-30mbs-classe-10-sdxc-9656-MLB20019049829_122013-F_zpse57c54b7

O cartão XQD é um novo padrão de armazenamento pensando principalmente para fotojornalistas que utilizam câmeras super avançadas e necessitam de bastante velocidade na leitura e escrita de dados. Por isso, a taxa de velocidade desse tipo de cartão pode chegar até 168 MB/s.

Apesar do padrão ter sido anunciado em 2010, o modelo ainda é minoria no mercado. Até o momento apenas a Sony e a Lexar comercializam cartões de memória com essa tecnologia. A câmera Nikon D4 é a única que oferece suporte para o formato XQD. A capacidade de armazenamento varia desde 64 GB até 2 TB.

Compact Flash

large_26296_1344945409

Desenvolvido em 1994 pela SanDisk, a partir do modelo PC-Card/PCMCIA, o padrão Compact Flash foi considerado um dos formatos mais bem-sucedidos de cartão de memória. Apesar do lançamento de novas tecnologias MMC / SD e vários formatos de Memory e xD-Picture Card, o modelo ainda é utilizado em câmeras de alto desempenho. Possuem capacidade de armazenamento de 16 GB e 256 GB, com velocidade de até 95 MB/s.

Memory Stick Duo

download

Lançado em 2003, o Memory Stick Duo é uma espécie de cartão de memória flash para armazenamento de arquivos em câmeras fotográficas e câmeras de vídeos. O modelo possui taxas de gravação máxima de 80 Mb/s com capacidade de armazenamento de até 32 GB. O Memory Stick Duo se tornou bastante popular devido ao seu custo-benefício no mercado.

O que esperar dos próximos cartões de memória?

Em março de 2015, a marca SanDisk lançou o microSD mais espaçoso do mundo, com 200 GB de armazenamento. Vale destacar que o maior cartão SD convencioanal possui 512 GB. No mesmo período, a LG apresentou um novo smarthphone com memória expansível de até 2 TB. Com esses últimos lançamentos, não há dúvidas que o mercado de SDs está cada vez mais promissor. Aguardamos os próximos lançamentos de cartões com capacidade de armazenamento ainda maiores e taxas de velocidade ainda mais surpreendentes

Fontes: Wikipedia, Infowester, Cartaodememoria, Techtudo, Olhar Digital 

2 Comentários


  1. Bom dia,
    Sou iniciante em foto com câmera profissional adquiri ha pouco uma nikon d3200, estou aprendendo rápido devido a ter boa noção anterior com duas semi-profissionais que ja tive, portanto não sou amador demais, trabalho com TI. Gostaria de uma dica, a minha camera ceio com cartão SD HC I Class 10, que sei que é o segundo nível de cartões da Sandisk, e gostaria de saber se um micro SD da mesma classe possui alguma perda de desempenho em relação ao SD estando esse sob um adaptador, e também da confiabilidade. Agradeço antecipadamente respostas, opiniões, orientações, aprender sempre é bom.
    Contato Skype Ricardo.Melo.Benner


  2. Olá Ricardo! É necessário verificar a velocidade do seu SD, para que com a mudança no mini SD não sofra esta alteração na velocidade. Qualquer dúvida estamos à disposição! 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *