Como fazer teste de memória RAM no notebook passo a passo

Tempo de leitura: 5 minutos

O seu notebook bem apresentando lentidão, travamento ou problemas para iniciar? Ou você está cogitando adquirir mais memória RAM para otimizar a capacidade da sua máquina? Assim, o primeiro passo para estes casos seria fazer um teste de memória RAM e saber qual a capacidade deste componente. Então, veja a seguir algumas dicas para testar em sem notebook!

O que é a memória RAM e por que é tão importante?

A memória RAM não precisa ser um bicho de sete cabeças nem mesmo para quem é leigo no assunto. Isto é, com algumas instruções, é possível fazer uma série de procedimentos em relação a este item do seu notebook, inclusive testá-lo.

A grosso modo, a memória RAM é aquela que armazena arquivos temporários durante o uso em seu computador. Além disso, ela deve ser compatível com o sistema do seu notebook e com as configurações gerais da máquina. Logo, é um item essencial em qualquer computador, e por isso, deve oferecer uma boa performance.

Problemas como lentidão, travamento ao abrir mais de um programa, dificuldade de inicialização, desligamento sem motivo e outros eventos similares podem indicar problemas com a memória RAM. Isto é, seja na instalação ou mesmo na obsolescência ou incapacidade conforme os anos de uso.

E antes de qualquer outra medida mais drástica, a testagem é uma forma de conhecer melhor o seu sistema, a sua capacidade e planejar ações futuras. É o caso de aquisição de um novo pente ou mesmo a troca do notebook.

Por que testar a memória RAM do seu notebook?

É possível ampliar a capacidade de armazenamento temporário do seu notebook substituindo ou complementando o módulo da sua máquina ou ainda ajustando erros existentes.

Contudo, o primeiro passo é descobrir qual a capacidade do equipamento que você já tem. Para isso, é importante fazer um teste de memória RAM, considerando as dicas abaixo.

Desta forma, você mesmo pode testar a capacidade da memória RAM do seu notebook sem riscos. Com isso, terá maior condição de decisão sobre que ação tomar. Como ajustar as configurações, adquirir novos módulos e também saberá sobre as configurações e requisitos do seu computador.

Como saber mais sobre a capacidade da memória RAM do seu notebook?

Uma informação importante para testar ou mesmo expandir a memória RAM do seu notebook é saber o máximo de capacidade que a sua máquina suporta. Veja no vídeo a seguir algumas dicas:

Como fazer o teste de memória RAM?

Atualmente, é muito mais prático fazer teste de memória RAM utilizando softwares específicos para este fim. Além disso, há muitos tipos disponíveis e a maioria possui versões gratuitas.

Em destaque, entre os programas mais comuns estão o AIDA64, SiSoftware Sandra, CPU-Z, memtest86+, QuickMemoryTestOK, PassMark, DocMemory, PCMark, entre outros. Os melhores dispositivos são os chamados benchmarks. Mas há ainda os monitores de desempenho.

Já fizemos uma resenha de diferentes tipos de recursos para analisar o desempenho do notebook nesta matéria. Você pode escolher uma destas ferramentas para realizar seus testes.

Utilizando ferramentas de teste

Agora, vamos analisar o benchmark, termo que significa comparação. É um dos recursos mais eficientes para verificar o desempenho de seu computador. E consequentemente, da sua memória RAM.

Certamente, o objetivo é mensurar a performance do notebook e contrapor os dados com outros modelos. O AIDA64, já citado, é um exemplo de benchmark.

Ao escolher a ferramenta para realizar o teste de memória RAM, basta seguir os seguintes passos no seu notebook:

Passo 1 – Instalação da ferramenta

Primeiramente, instale no seu notebook a ferramenta escolhida. Execute o software no seu computador. No caso do AIDA64, na versão de testes, basta clicar em “Comparações” (ou “Benchmark”).

Além disso, outros softwares terão botões similares para iniciar o teste de memória RAM. Em geral, os resultados também são muito próximos.

Passo 2 – Inicie o teste

Em suma, é comum estes recursos apresentarem uma lista com uma série de recursos e dispositivos do computador – como placa mãe, memória, processador, etc. Ao clicar em Iniciar, o dispositivo escolhido apontará em que lugar a comparação deverá proceder.

Veja também: Teclado com defeito: como identificar e solucionar o problema

Passo 3 – Resultado

Certamente, o teste de memória RAM é um procedimento muito rápido. Após o procedimento, é possível que o programa aponte uma nova listagem e os resultados da capacidade da máquina e da memória RAM.

Desta forma, isso permitirá que você a compare com outras máquinas ou com um padrão de como deveria funcionar adequadamente.

Assim, este resultado permite compreender os detalhes do seu notebook. E também saber sobre a situação quando comparado com o padrão de melhor performance. Além disso, também permite comparar a sua máquina com outros dispositivos próximos.

Em suma, com estas informações, é possível tomar uma decisão mais segura, seja de compra de mais memória, da troca da máquina, da necessidade de uma limpeza na memória RAM, etc.

Testando mais de um pente de memória RAM

Muitas máquinas possuem mais de um pente de memória RAM. Neste caso, cada um deve ser testado, ainda mais se a memória RAM do computador já apresenta problemas. Desta forma, basta seguir os seguintes passos:

  • Primeiramente, remova todos os pentes de memória de seu notebook.
  • Depois, insira apenas um por vez.
  • Em seguida, utilize o mesmo recurso de testagem.
  • Realize o teste em cada um dos pentes de memória RAM.
  • Anote os resultados e os avalie individualmente.
  • Em seguida, repita o processo com um pente de memória diferente.
  • Depois, substitua os pentes de memória RAM para uma melhor performance.
  • Para finalizar, escolha pentes compatíveis com os demais e com a sua máquina.

Veja também: Como trocar a memória RAM do Lenovo Ideapad 320

Então, gostou das dicas? Agora você já sabe mais sobre telas para notebook. Aqui no Blog bringIT você encontra novas informações sobre notebook, periféricos e tendências do universo da informática. Assim, deixe um comentário e compartilhe estas dicas!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *